FOLLOW US!

Piolho: Remédios, Tratamento e o Que Fazer

O Piolho é o nome geral dado aos insetos da ordem Phthiraptera, que contém mais de 3000 espécies. Estes insetos não têm asas e são parasitas externos ectoparasitas de mamíferos com exceção dos monotremados e morcegos e das aves.

Os piolhos são atualmente classificados em quatro subordens que são elas: Anoplura: piolhos sugadores, inclui o piolho humano, Rhyncophthirina: parasitas de facóqueros e elefantes, Ischnocera: parasitas das aves e o Amblycera: piolhos mastigadores.

Os piolhos fica no cabelo ou pelagem do hospedeiro, onde se alimentam de sangue, resíduos da epiderme ou de penas e secreções sebáceas. Cada espécie tem uma relação exclusiva com um determinado tipo de hospedeiro, o que significa que, por exemplo, um piolho de ave não afeta humanos e vice-versa.

Esta característica torna os piolhos muito dependentes do sucesso da espécie do hospedeiro. Calcula-se que tenham desaparecido três espécies de iscnocerídeos quando os últimos 20 condores da Califórnia foram trazidos para cativeiro e desinfetados.

Tratamento

Atualmente são usados para alguns medicamentos para combater piolhos como substâncias a base de Piretróides que são inseticidas sintéticos análogos ao inseticida vegetal piretro, que existe na flor do crisântemo Chrysanthemum cinerariaefolium, esse tipo de medicamento está se extinguindo do mercado e não deve ser usado durante a gravidez e amamentação, só de acordo com prescrição médica.

Ainda posso citar o uso vinagre com uma toca na cabeça, sabão de coco e pentear com um pente fino, KWELL é um medicamento indicado por pediatras, LOLLY é um pente bem fininho que tira tudo o que tiver no cabelo, espero que essas dicas tenham ajudado boa sorte.

FOLLOW US

Deixe uma resposta